A gente vive reclamando...


A gente vive reclamando que não tem amigos…

A gente vive reclamando que não tem namorado…

Reclamamos porque não me relacionamos bem com nossos pais, irmãos, parentes em geral…


Mas as vezes fico pensando, será mesmo que você quer se responsabilizar em lidar consigo mesmo quando esta junto de outras pessoas, ou você se acha tão super especial que não quer misturar sua energia vital com a de outras pessoas?

Será que você não utiliza essas reclamações como muleta para não ter que se responsabilizar em dar o seu melhor, sendo amiga, sendo namorada, sendo filha, sendo irmã…


Fica muito fácil ficar colocando a culpa em todo mundo e não perceber que a principal culpada é você que já esta cansada de sofrer e então decidiu vestir uma roupa especial contra seres humanos. Eu sei, eu já fiz isso também eu te entendo melhor do que você imagina.

Lembra quando você era criança e simplesmente se jogava nas relações. Onde você ia, fazia amizade facilmente, era a rainha do parquinho que chegava com no mínimo 5 amiguinhos em cada um que fosse, quando um ia embora você logo arrumava outra criancinha como você que acreditava que podia fazer amizade e que estava tudo bem se esse fosse e outro chegasse. O rancor, a angústia, o sofrimento, a ansiedade e a expectativa não ficava atravancando sua vida social…


Sabe porque, porque você era leve. Não se levava tão a sério assim, não achava que precisava desse muro de protecão para te manter livre desses parasitas sugadores de energia. A única coisa que você esqueceu foi que quando você decidiu erguer esse muro, você se colocou do lado de dentro e provavelmente trancou o portão e hoje em dia você não faz a menor ideia de onde esteja essa chave. Quando você se trancou para dentro, você deixou todo mundo do lado de fora e ficou sozinha… Mas parece que você não está tão satisfeita assim, não de ficar aê sozinha, ou está? Verdadeiramente...


A gente toma decisões precipitadas as vezes, a gente não tem desenvolvimento cognitivo e muito menos repertório para lidar com as situações na infância, época essa em que ficamos mais vulneráveis. Contudo hoje que você consegue compreender o que você fez, você tem como reverter essa situação. Contudo não estou dizendo para você sair loucamente confiando em todo mundo, mas sim um passo de cada vez. Tentando mais se relacionar sem esse medo absurdo que os 9 bilhões de pessoas do universo não são pessoas confiáveis.


Lembre-se se você é agradável, confiável, respeitosa, consigo mesmo e com todos não tem como a vida ser diferente com você. Sejamos honestas, você não é agradável nem consigo mesma, como espera que outras pessoas sejam?

Comece pelo inicio, comece se dando o que você merece, levando em consideração que você só merece coisas boas, então aguarde que você vai ver um novo mundo surgindo para você. Eu estou exatamente nesse lugar de onde estou falando e tenho certeza que se você se empenhar em se tratar com mais confiança e amor, você vai enxergar o mundo com um novo grau de realidade…


relatos de uma pessoa que esta do lado de cá.


A terapia pode te auxiliar a lidar melhor com seu processo de autoconfiança, agende seu horario Whatsapp 62 98255-8121.

3 visualizações
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now